Balanço do FONAC

Balanço do FONAC
21
Nov

1º Fórum Nacional do Comércio

Sete anos após a conclusão do processo de adesão à Organização Mundial do Comércio, Cabo Verde participou este ano pela 1ª vez no Exame da Política Comercial da OMC. O exame decorreu em Genebra entre 6 e 8 de Outubro, conduzido pelo Secretariado da OMC, com intensa participação dos membros e gerou um conjunto de considerações, questões e comentários sobre a política comercial em curso no país.

Deste modo, dado a abrangência e profundidade do exame da política comercial e tendo em conta os desafios e constrangimentos institucionais, assim como as limitações e as oportunidades para a melhoria da qualidade da oferta, propõem-se:

  1. Promover um intenso diálogo estratégico, entre o sector privado, a administração pública e os parceiros internacionais, acerca das prioridades da política comercial em curso.
  2. Refletir sobre o regime de investimentos e comércio em vigor no país;
  3. Debater a política comercial por sector, com vista à busca de consensos estratégicos;

O Fórum Nacional do Comércio – FONAC, organizado sob o égide da DGIC e das Câmaras de Comércio de Cabo Verde, aconteceu nos dias 17, 18, 19 e 20 de Novembro em Mindelo, no âmbito da XIX Feira Internacional de Cabo Verde – FIC, e teve como objetivo geral criar uma plataforma de diálogo e a busca de consensos para a promoção do alinhamento da agenda de desenvolvimento entre o sector público e o sector privado.

Direcionado aos empresários, decisores políticos, instituições de apoio empresarial, Câmaras Municipais e sociedade civil no geral, o FONAC visou sedimentar entendimentos práticos em matéria de competitividade, investimento, comércio externo, capacitação e reforço institucional.

Oradores de alto nível nacionais e estrangeiros e participantes que trabalham com a matéria do comércio foram envolvidos nos debates dos 4 dias, incidindo sobre as políticas que afetam o desenvolvimento empresarial e tiveram a oportunidade de desenvolver posições que deverão ser consideradas no âmbito da agenda de prioridades do governo e do sector privado.